segunda-feira, 18 de abril de 2011

A PÁSCOA FOI SUBSTITUÍDA PELA CEIA DO SENHOR


O mundo cristão celebra a páscoa apenas por tradição, pois na verdade Jesus aboliu a páscoa com a instituição de outra cerimônia sagrada. Antes de Sua morte Jesus convidou Seus discípulos para comemorar a páscoa; entretanto, ali no cenáculo Ele institui a Santa Ceia no cristianismo em lugar da páscoa!
1.   A páscoa era uma comemoração do livramento da escravidão egípcia: Os filhos de Israel ficaram no Egito por 430 anos, dos quais a maior parte destes anos eles foram obrigados ao trabalho escravo. Quando Deus ouviu o clamor desesperado dos israelitas Ele providenciou Moisés para libertá-los da escravidão (Êxodo 3:7-10). Então, depois de vários acontecimentos, Deus alerta os israelitas por meio de Seu servo Moisés de que eles seriam libertos. O povo deveria estar preparado para sair do Egito e essa preparação consistia em realizar uma cerimônia nunca realizada. Pela primeira vez na história o povo de Israel celebra a páscoa do Senhor (Êxodo 12:1-28). Essa cerimônia deveria ser repetida até a morte do verdadeiro Cordeiro Pascal (João 1:29).
2.  A páscoa apontava para a vinda do Cordeiro que liberta da escravidão do pecado: Na época da morte de Jesus era o tempo da páscoa. Por isso Jesus fora ao cenáculo com Seus discípulos e ali se deu a última ceia da páscoa e a abertura da cerimônia da santa ceia. Assim a cerimônia da páscoa do Senhor foi substituída pela Ceia do Senhor. Como era época de celebrar a páscoa, Jerusalém estava repleta de gente de todos os lados. De todos os cantos os judeus saiam de seus lugares com seus familiares a fim de comemorar a cerimônia pascal em Jerusalém. E foi nesse exato momento que Jesus foi sacrificado como o Cordeiro de Deus que tira o pecado do mundo (Mateus 26:1-5).
3.  A páscoa teve fim para dar início à Santa Ceia: Hoje se comemora a páscoa apenas por tradição, mas não porque Jesus ratificou. Na verdade a Santa Ceia é a celebração que todo o cristão deve celebrar, pois esta sim foi deixada por Jesus em lugar da páscoa (Mateus 26:17, 26-30).  A páscoa era celebrada com pães asmos (sem fermento), carne de cordeiro e ervas amargas. A Santa Ceia deve ser celebrada com pão sem fermento – que simboliza o corpo de Cristo sem contaminação com o pecado; e com o suco da uva não fermentado – que simboliza o sangue de Cristo sem a fermentação do pecado.
Não deixe de comemorar a ceia do Senhor. Ela nos faz lembra de que Jesus é o Cordeiro que tira o pecado do mundo. O pecado nos escraviza. Jesus veio a este mundo morrer pelos nossos pecados a fim de libertar-nos da escravidão causada por eles. Permita que Jesus te liberte deste tipo de escravidão. Clame por socorro a Jesus Cristo como os israelitas clamaram no Egito.

Pr. Heber Toth Armí

13 comentários:

  1. A paz do Senhor Jesus a todos!
    Estou estudando a bíblia e concordo com esta linha de raciocínio, também entendi desta forma. Minha dúvida é:
    Qual a data correta para celebrarmos a Santa Ceia?
    Quanto a celebração da Páscoa, os judeus receberam a orientação para que fosse anual. Já para os cristãos, não há uma orientação clara a respeito.
    Tendo em vista que para nós ela representa algo que precisamos sempre ter em mente, deveríamos celebrar a Santa Ceia todos os dias, assim como os católicos?
    Já que o sacrifício de Cristo na cruz não deve ser lembrado uma vez no ano ou a cada mês?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá, lhe darei uma informação valiosa se você não quer mais ser enganada, procure um membro da Igreja de Deus, pergunte pela páscoa e prepare-se para ter ser serteza que todas as outras igrejas pregam a palavra de Deus de forma errada e nem mesmo seguem a bíblia.

      Excluir
  2. Não entendo que "abolir" ou 'substituir" a pascoa pela ceia seja a explicação correta para este mandamento, mas sim o cumprimento do plano de Deus para o homem. Acredito que as duas celebrações estão bem entrelaçadas. Vemos que toda aquela situação de escravidão, sangue do cordeiro nos umbrais, saída do Egito para a terra prometida, etc. foram fatos para realizações proféticas, exemplificando e se completando com a vida e ensinamentos do Senhor Jesus ("fazei isto em memória de mim").

    ResponderExcluir
  3. O SÉTIMO DIA
    (DN.4.2) Pareceu-me bem fazer conhecidos os sinais e maravilhas que Deus, o Altíssimo, tem feito para comigo,; (EF.2.7) para mostrar nos séculos vindouros a suprema riqueza da sua graça em bondade para conosco em Cristo Jesus; (1CO.15.45) pois assim está escrito:
    (GN.2.3) – E ABENÇOOU DEUS O DIA SÉTIMO, E O SANTIFICOU; PORQUE NELE DESCANSOU DE TODA A OBRA QUE, COMO CRIADOR, FIZERA: (AR.85.6)
    E o que o Senhor quer dizer com as 85 letras e 6 sinais acima é isto:
    SOU O ESPÍRITO QUE DESCEU DO CÉU, CRIANDO A SUA FÉ; E FAÇO SANTO O QUE É BATIZADO COM NOME DE ARNALDO RIBEIRO: (IL.85.6)
    (Lc.12.50 – Tenho, porém, um batismo com o qual hei de ser batizado; e quanto me angustio até que o mesmo se realize; (IS.21.16) porque assim me disse o Senhor: (1RS.18.31) Israel será o teu nome, (LS..9.6) porque ainda que algum seja consumado entre os filhos dos homens, se estiver ausente dele a tua sabedoria, será reputado como nada.(LC.4.21) Hoje se cumpriu a escritura que acabais de ouvir: (LC.6.5) O Filho do Homem é Senhor do sábado:
    E agora José? Ou melhor, Chico?...

    ResponderExcluir
  4. Devemos tomar cuidado para evitarmos confundir a mente das pessoas com nossas ideologias.A questão em pauta é a Santa Ceia do Senhor,não o sábado.

    ResponderExcluir
  5. Está bem claro na bíblia que a páscoa duraria até Cristo, em 22 de Lucas Ele celebra a última páscoa e institui a Santa Ceia, ou seja, a páscoa já era, agora a Santa Ceia deve ser celebrada anualmente, pois ela substitui uma celebração anual.A Santa Ceia é o teste anual do Cristão, quem participar dela indignamente vai pagar caro, por isso pra participar dela é preciso estar em obediência à Palavra de Deus.

    ResponderExcluir
  6. "E, tomando o cálice, e dando graças, deu-lho, dizendo: Bebei dele todos;" Mateus, 26,vs27. A bíblia não deixa claro se é suco de uva ou vinho, no entanto sabemos que era tradição usar o cálice para tomar vinho. Portanto, seria correto afirmar que a Santa Ceia substitui a Páscoa fazendo-se uso do Pão que representa o Corpo de Cristo e o Vinho que representa o Sangue.

    ResponderExcluir
  7. muito bom gostei muito de tudo! Deus abençoe sempre.

    ResponderExcluir
  8. Muito bom, bíblico e direto o comentário do Pr Hêber sobre pascoa e santa ceia, agora esses comentários sectarista e farisaico de adventistas sobre o sábado, deixo uma sugestão que seja excluído da página.Deus abençoe a todos.

    ResponderExcluir
  9. amei este estudo, estava buscando, porque e bastante parecido oo sentido, o bom é que temos uma grande familia ou melhor sdimar tavares.

    ResponderExcluir
  10. SIM.......JESUS ABOLIU AS ORDENANÇAS DA VELHA LEI JUDAICA / LEI DE MOISÉS.

    O CORDEIRO QUE MORREU NA CRUZ SIMBOLIZA A PÁSCOA DA VELHA ALIANÇA.Portanto, A SANTA CEIA veio para substituir a VELHA PÁSCOA. Porque as coisas do passado eram sombras das coisas que viriam no futuro QUE SE CUMPRIRIAM EM JESUS CRISTO.

    Uma vez que JESUS CRISTO DESCEU DO CÉU.....SE FEZ CARNE PARA SALVAR O PECADOR, os RITUAIS e CERIMÔNIAS estabelecidos por Moisés, já NÃO TEM MAIS VALOR.....
    .
    .
    VIVER PRATICANDO RITUAIS DA LEI MOSAICA É IGNORÂNCIA.....
    .
    .

    JESUS VEIO E SUBSTITUIU A VELHA ALIANÇA;;;;;

    ResponderExcluir
  11. Nós cristãos adaptamos vários costumes dos apóstolos às nossas conveniências! A cerimônia em debate era anual, portanto, assim deveria ser perpetuada.
    Graças a Deus que temos alguém que intercede por nós, senão, seríamos fulminados em nossos ageitos!

    ResponderExcluir

Dê seu parecer respeitando a ética cristã. Sua opinião será bem-vinda:

Postagens mais acessadas nesta semana