sábado, 16 de março de 2019

A MELHOR TÉCNICA DE CRESCIMENTO DE IGREJA

INTRODUÇÃO:

1. Com dois milênios de desenvolvimento histórico, atualmente a Igreja Cristã possui inúmeros recursos e teorias para trabalhar seu crescimento numérico mundial.
2. Com dois milênios de experiência, a igreja tem inúmeras estratégias e técnicas para cumprir a missão, na internet tem tantos sites quanto teorias; nas livrarias, há diversos livros; além da igreja contar com uma gama de tecnologia inexistente no passado.
3. Com dois milênios de maturidade, a igreja cristã possui várias escolas e universidades que tratam profunda e cientificamente do crescimento de igreja; contudo, convido-vos à reflexão:

a) Está a igreja hoje avançando mais do que nos dias dos apóstolos?
b) Está a igreja atualmente crescendo mais rapidamente do que nos tempos apostólicos?
c) Está a igreja fazendo mais hoje do que em seu início?

Precisamos voltar às origens para descobrir o segredo perdido com o passar do tempo.

I. SEM O ESPÍRITO SANTO, A IGREJA OPERA COMO SE FOSSE EMPRESA – Atos 1:4-5

Jesus, sabendo disso, advertiu Seus discípulos para não saírem para a missão enquanto não fossem revestidos de poder. 
  1. Consultoria, treinamento, capacitação, investimento, incentivo, recursos financeiros, comissões, planejamentos, tudo isso uma empresa utiliza para melhorar sua realidade. Sem o Espírito Santo, a igreja pode crescer assim como uma empresa, utilizando os mesmos recursos. Mas crescerá como Deus quer? 
  2. Nos dias atuais, a igreja está fazendo de tudo, só não está fazendo o que Seu dono quer que seja feito: Convocar seus membros ao arrependimento, à humilhação, à oração, à dependência do Espírito Santo para, então, sair para a ação e cumprir a missão. 
  3. A igreja nos seus primórdios, só saiu para a missão após ser revestida do poder celestial. Os discípulos ficaram juntos para acertarem as diferenças, rever suas crenças e, esperar pela capacitação do Espírito Santo. Qual a técnica utilizada? Atos 1:4, 14; 2:4

a)     Consagração enquanto espera o cumprimento da Promessa;
b)     Comunhão buscando unanimidade;
c)      Unidade na busca a Deus através da oração;
d)     Partir para a ação somente quando o Espírito Santo assumisse a direção.

II. SEM O ESPÍRITO SANTO, A IGREJA PODE TER TODA TÉCNICA POSSÍVEL, MAS NÃO TERÁ O PODER DIVINO – Atos 1:14; 2:1-4

Sabendo disso, os discípulos aguardaram 24 horas por dia, dez dias consecutivos, até receberem a promessa de poder através do Espírito Santo. 
  1. Desafios, obstáculos, problemas, limitações existem para igrejas e para empresas, os métodos de liderança podem ser úteis tanto para uma quanto para outra. Os resultados serão notórios em ambas. Contudo, teria Deus espaço para agir e o Espírito Santo para dirigir numa igreja que depende de métodos humanos? 
  2. Nos dias atuais, estamos acomodados com o ínfimo crescimento da igreja (se é que há algum crescimento real), às vezes até orgulhamo-nos porque nossa estratégia funcionou; muitos, inclusive, escrevem livros que tornam-se best-seller; porém, ao comparar com a Bíblia, muitas estratégias são incompatíveis com o método de Deus. Sendo assim, não seria o suposto crescimento uma ilusão? 
  3. A igreja nos seus primórdios tinha muito mais desafios que hoje. Se as condições eram diferentes de hoje, é porque eram piores, jamais melhores.

a) Hoje temos pessoas cultas na igreja; além das várias formações acadêmicas, temos doutores e pós-doutores em teologia; mas, a igreja primitiva contou com 11 discípulos iletrados, comuns, da periferia (Galileia).

b) Hoje temos muitos países cristianizados, onde pregar o evangelho não é apenas acessível, mas muitos estão abertos a ele; no passado, os que não eram judeus eram gentios, ou seja, pagãos. Adoravam todo tipo de deuses. Os judeus se opuseram aos cristãos. Era oposição de todos os lados. O contexto era hostil e, testemunhar de Cristo não era fácil, além de muitas vezes resultar em martírio.

c) Hoje estamos estagnados como igreja, em muitos lugares as portas do inferno estão prevalecendo e a igreja está diminuindo, embora tenhamos muito mais técnicas, recursos e estratégias que antes. O segredo é que eles só tinham o Espírito Santo, que, quando veio sobre os iletrados, tornou-os grandes em poder. Rapidamente transtornaram o mundo, e em três séculos o cristianismo tornou-se a religião oficial do Império Romano. Conseguiríamos tal proeza com todas as técnicas, recursos e estratégias que possuímos hoje?

III. SEM O ESPÍRITO SANTO, A IGREJA SERÁ GUIADA APENAS PELAS TÉCNICAS HUMANAS – Atos 1:4, 14; 2:1-6, 41

Hoje precisamos saber que não podemos sair para a missão sem estarmos revestidos do Espírito Santo e que devemos esperar até que sejamos cheios do poder celestial.
  1. Institutos de pesquisa, de missões, de crescimento de igreja, Escola de Evangelismo, e tantas outras coisas que somos capazes de inventar estão à nossa disposição até mesmo online. Nunca a igreja teve tanto quanto se tem hoje. Mas, de que adianta tudo isso sem o poder sobrenatural? 
  2. Nos dias atuais, contratamos especialistas para analisar a igreja, consultores para intentar descobrir seus problemas, coachings para dar um up em seu desenvolvimento, etc. Quando, na verdade, tudo isso pode ser uma tentativa frustrante de substituir o Espírito Santo pelos poderes humanos. Como a igreja será divinamente guiada se estamos dependo dos recursos humanos? 
  3. A igreja, em seus primórdios, não ousou fazer o que Cristo a desafiou sem antes estar revestida de poder. Esse era o segredo de tanto sucesso.
a) Oração e pregação levou a igreja a uma explosão numérica; após orarem dez dias a fio, receberem o Espírito Santo, e pregarem com ousadia, os apóstolos testemunharam a conversão de quase três mil pessoas num só dia (Atos 2:4, 14-41).
b) Oração e pregação levou a igreja a operar milagres (Atos 3:1-26), levantou oposição, apóstolos foram presos, mas logo estavam soltos testemunhando ousadamente de novo. “E tendo eles orado, tremeu o lugar onde estavam reunidos; todos ficaram cheios do Espírito Santo e, com intrepidez, anunciavam a palavra de Deus” (Atos 4:31).
c) Oração e pregação foi o método usado pelos apóstolos, mesmo quando tudo parecia conspirar para que eles abrissem mão desse método (Atos 6:4); consequentemente, “crescia a palavra de Deus, e, em Jerusalém se multiplicava o número dos discípulos; também muitíssimos sacerdotes obedeciam à fé” (Atos 6:7).

CONCLUSÃO:

1. A igreja avança muito mais não possuindo prata ou ouro, possuída pelo Espírito Santo, do que tendo recurso material, tecnológico e financeiro, destituída do Espírito Santo.
2. A igreja avança muito mais sem as estratégias e técnicas empresariais, de marketing, mercadológicas do que com elas; reuniões e comissões só importam se for para consagrar-se a Deus em oração e buscar um reavivamento através da Palavra Sagrada, não nas palavras humanas.
3. A igreja avança sobrenaturalmente apenas se um poder sobrenatural outorgado pelo Espírito Santo tomar conta dos seus membros. Aquilo que só Deus pode fazer por nós, jamais conseguiremos sem o Seu auxílio, ainda que tenhamos todos os recursos mundiais à nossa disposição.

APELO:

1. Como igreja, arrependa-se de negligências e pecados, e então, consagre-se a Deus.
2. Como indivíduos, dependam do Espírito Santo diariamente.
3. Como crentes, avancem com fé confiando no poder sobrenatural vindo do Céu.

Pr. Heber Toth Armí.

Postagens mais acessadas nesta semana