quarta-feira, 23 de março de 2011

SINTA A PRESEÇA DE DEUS ATRAVÉS DA ORAÇÃO SINCERA


INTRODUÇÃO: Provérbios 15:8 e 29
1. Provérbios são de origem antiga usados para facilitar a memorização, tornando-se assim um dito popular.
2. Provérbios bíblicos são oriundos do Céu; são frases intensas e curtas, de aplicação universal.
3. Provérbios bíblicos são expressões consideradas sentenças que difundem mensagens de alto significado e elevado valor.
4. Provérbios bíblicos são princípios da religião prática, que tem a intenção de demonstrar os resultados da fé em ação.
Convido você a meditar em dois maravilhosos provérbios divinos: “Os sacrifícios dos ímpios é abominação para Iahweh, mas o seu favor é para a oração dos homens retos”. E, “Iahweh fica longe dos ímpios, mas ouve a oração dos justos” (Provérbios 15:8, 29, Bíblia de Jerusalém).

I. DEUS FICA LONGE DOS ÍMPIOS – Provérbios 15:8 e 29

Estes dois provérbios nos reportam à remota história dos dois irmãos adoradores que ofereceram sacrifícios a Deus: Abel e Caim. Ambos foram oferecer sacrifícios em adoração a Deus, porém com resultados diferentes (Gênesis 4:3-5). Caim adorou a Deus, porém seu coração estava bem longe dEle (Isaías 29:13). Veja alguns princípios baseados na história e provérbios bíblicos:

1.  Deus não fica longe dos ímpios, a menos que estes O ignoram (Gênesis 4:3-16). Os sacrifícios e cultos dos ímpios é abominação para Deus. Qualquer forma de culto que provém de um coração independente, insurgente e que segue sua própria vontade é considerado abominável a Deus.
2.  Deus não se afasta de ninguém, a menos que alguém se afaste de dEle (Gênesis 4:16). “Longe” do hebraico hâhoq não se refere à distância da presença divina, porque Deus está em todos os lugares; a ênfase está no distanciamento daqueles que desprezam a Deus ou vivem como se Ele não existisse. Essas pessoas não sentem a presença de Deus.
3.  Deus não deseja estar longe de ninguém, porém os pecadores é que fogem dEle (Gênesis 3:8-11). Deus foi atrás, mesmo que Adão e Eva fugiram e se esconderam dEle.
4.  Deus deseja aproximar-se do pecador, porém este prefere envolver-se com o mal e criar uma barreira de pecado entre eles (Gênesis 4:6-16). Caim irou-se, entristeceu-se, assassinou, mentiu, transferiu sua culpa, reclamou e afastou-se para longe de Deus.

II. DEUS APRECIA A COMPANHIA DOS JUSTOS – Prov. 15:8 e 29

Em contraste com o exemplo acima, Abel, ofereceu “mais excelente sacrifício do que Caim, pelo qual alcançou testemunho de que era justo, dando Deus testemunho de suas ofertas...” (Hebreus 11:4). Veja alguns princípios baseados na história e provérbios bíblicos:

1.  Deus favorece os retos de coração (Gênesis 4:4 ú.p.). Os retos são aqueles que se aproximam de Deus através da oração com humildade, reverência e adoração.
2.  Deus aprecia tanto a oração do justo que dá testemunho mesmo depois de morto (Hebreus 11:4 ú.p.). Deus declarou que o testemunho de Abel ainda é ouvido, mesmo depois de morto. Os retos são justos porque são justificados pelo sangue de Jesus, representado pelo sangue do cordeiro do sacrifício de Abel.
3.  Deus atende com prazer a oração dos justos. Deus tem prazer em ouvir a oração daqueles que humildemente O procura.
4.  Deus aprecia a companhia dos justos: Deus tem prazer em ouvir e atender a oração daqueles que preferem a Sua companhia a qualquer outra coisa.

CONCLUSÃO:
1.  A oração é o canal que liga o ser humano a Deus: Os ímpios não oram, estão longe de Deus; os justos oram, estão próximos de Deus.
2. A oração é o meio pelo qual o ser humano se aproxima de Deus: Deus aguarda com carinho as orações até mesmo dos ímpios (pecadores).
3. A oração sincera e humilde capacita o ser humano para receber o prazer de Deus: Deus tem muito prazer pelos que Lhe buscam através da constante oração.
4. A oração verdadeira faz Deus inclinar-se para bem perto do ser humano: Essa é a experiência que Deus deseja a todos; e, todos podem vivê-la diariamente.

APELO:
1.  Abandone o pecado, mas nunca a Deus.
2. Abandone a injustiça e entre na presença de Deus através da oração.
3. Experimente intensamente a presença divina através da oração.
4. Experimente orar o dia todo, todos os dias.

Pastor Heber Toth Armí

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Dê seu parecer. Elogie ou critique respeitando a ética cristã. Sua opinião será bem-vinda:

Postagens mais acessadas nesta semana