quarta-feira, 28 de abril de 2010

UMA MENSAGEM URGENTE PARA VOCÊ

INTRODUÇÃO:
  1. O livro todo do Apocalipse foi escrito às sete igrejas da Ásia Menor (Ap. 1:11; 22:16).
  2. No Apocalipse tem uma mensagem específica a cada uma das sete igrejas (Ap. 2 e 3).
  3. Estas cartas correspondem a sete períodos que a igreja cristã passaria na terra (Ap. 1:19).
  4. A mensagem a Laodicéia se relaciona com o tempo do fim, nosso tempo (Ap. 3:14-22).

I. ORIGEM DA CIDADE E DO NOME LAODICÉIA (cerca do ano 2000 a.C.):
1. Laodicéia era uma cidade muito antiga, desde 2000 a.C, nos dias dos patriarcas.
2. Seu nome original era Dióspolis – Cidade de Deus, marcada por sua grande religiosidade.
3. No II séc. a.C. Dióspolis foi conquistada por Antioco II Teós – Contra ou Anti Deus.
a) Surge o sincretismos religioso entre os seus habitantes, coração dividido. Amam a Deus e o mundo. Tem conhecimento, mas não boas obras; vivem na igreja amando ao mundo.
b) O nome da cidade foi mudado em homenagem a Laodice, atual esposa de Antioco II Theós.
c) Laodicéia vem do grego “Laós” (Povo) e “Dikaiós” (julgar ou julgamento): Povo que julga.

II. CARACTERÍSTICAS DE LAODICÉIA NA ÉPOCA DE JOÃO (cerca do ano 100 d.C.):
1. Laodicéia ficava no Vale de Ligos, uma região geograficamente baixa – havia muitas águas.
2. Pelos vulcões nas montanhas ao redor, as águas ficaram mornas e salgadas (Ap. 3:15-16).
3. Laodicéia possuía a melhor escola de oftalmologia naquela época, fabricavam colírio com um lodo medicinal (Ap. 3:18).
4. Em Laodicéia havia as melhores confecções de lã negra, usada para roupas finas e caras.
5. Em Laodicéia havia bancos, onde os comerciantes depositavam suas riquezas, ouro, prata, diamentes, etc. (Ap. 3:18).
a) Polemo, um cidadão comum, único na história que tinha castro e autoridade para cunhar sua própria moeda, por ser muito rico.
b) Em 64 d.C. houve um grande terremoto, mas os habitantes de Laodicéia não aceitaram ajuda para reconstruir a cidade – eram ricos, prepotentes, orgulhosos e arrogantes, de nada tenho falta (Ap. 3:17-18).
6. O costume da época era bater na porta quando se trazia uma mensagem urgente e especial.

III. A MENSAGEM PRINCIPAL DA CARTA À LAODICÉIA PARA HOJE:
1. Ap. 2:5 = Brevemente virei a ti. Éfeso: Era da pureza apostólica (31-100 d.C.).
2. Ap. 2:10 = Dar-te-ei a coroa da vida. Esmirna: Era de perseguição e martírio (100-313).
3. Ap. 2:16 = Em breve virei a ti. Pérgamo: Era de compromissos (313-538).
4. Ap. 2:25 = Até que Eu venha. Tiatira: Era do domínio clerical e de apostasia (538-1517).
5. Ap. 3:3 = Virei sobre ti como um ladrão. Sardes: Era da reforma (1517-1798).
6. Ap. 3:11 = Venho sem demora. Filadélfia: Era do reavivamento (1798-1844).
7. Ap. 3:20 = Eis que estou à porta e bato. Laodicéia: Período final da igreja (1844 – ???).
a) Ao Jesus dizer que está à porta e bate, significa que já estamos no fim. Jesus está às portas.
b) Não há mais tempo a perder, Jesus não diz que está perto, diz que já está às portas.
c) Batia-se na porta quando a mensagem era urgente, Jesus bate à porta... Entendeu?

CONCLUSÃO:
1. Ap. 3:19 – “Sê zeloso e arrepende-te!” O laodiceano que assim proceder será salvo.
2. O laodiceano precisa adquirir três coisas de Cristo:
a) Ouro refinado no fogo – para enriquecer espiritualmente.
b) Vestiduras brancas – para refletir a justiça de Cristo.
c) Colírio para os olhos – para ver que a mensagem da volta de Jesus é urgente.
3. Ao que vencer, sentará com Jesus no Seu trono para reinar com Ele (Ap. 3:21).

APELO:
Jesus está batendo na porta: leve essa urgência para casa hoje e deixe Jesus entrar e fazer morada em sua vida para que quando Ele voltar, te leve para cear e morar com Ele no Céu (Ap. 3:20).

Sermão preparado pelo Pr. Heber Toth Armí.

Um comentário:

  1. É como um pacote....
    Procurem a verdade e ela vos libertará.

    ResponderExcluir

Dê seu parecer respeitando a ética cristã. Sua opinião será bem-vinda:

Postagens mais acessadas nesta semana