domingo, 25 de dezembro de 2016

CELEBRAÇÃO NATALINA DE JESUS. ISSO PODE?


INTRODUÇÃO: Texto bíblico: Lucas 2:8-20

1. É pecado celebrar o nascimento de Jesus? Por que sim, ou por que não?
2. É pecado alegrar-se por Jesus ter nascido neste mundo para viver e morrer por nós?
3. É pecado aos anjos celebrarem o nascimento de Jesus cantando entusiasticamente sua canção natalina? 

Atenção: Quando se fala em “cidade natal”, ou quando se fala em “pré-natal” ou até mesmo a palavra “natalidade”, não tem nada relacionado ao dia 25 de dezembro. A palavra “natal” é relativa ao nascimento, ou onde ocorreu o nascimento de alguém. Celebrar o natal de Jesus é celebrar seu nascimento em Belém.

I. O NASCIMENTO DE JESUS FOI CELEBRADO PELOS ANJOS AQUI NA TERRA VISANDO MOTIVAR-NOS À CELEBRAÇÃO CONTÍNUA – Lucas 2:9-14

1. O anúncio do nascimento de Jesus foi feito aos homens simples por um anjo que desceu do Céu à Terra. Anjos orientam aos homens humildes e os redirecionam ao Salvador.
2. O anúncio do nascimento de Jesus veio com a presença da glória de Deus e iluminou a noite escura mostrando que o nascimento de Jesus traria luz aos perdidos nas trevas do pecado.
3. O anúncio do nascimento de Jesus foi celebrado por um coral de exército de anjos logo que os pastores foram orientados ao que fazer diante do nascimento do Messias. A música cantada inspirou muitas outras composições, ela nos ensina que:

a) Deus merece ser honrado, glorificado, exaltado e adorado: “Glória a Deus nas maiores alturas”.
b) Deus almeja que a paz reine em lugar da guerra, das brigas, das intrigas e conflitos humanos: “Paz na Terra entre os homens”, foi a mensagem central da música dos anjos.
c) Deus deu a nós Seu precioso Filho para ser nosso Salvador porque quer bem aos pecadores: “A quem Ele quer bem”.

II. O NASCIMENTO DE JESUS FOI CELEBRADO PELOS PASTORES E DEVE MOTIVAR-NOS A CELEBRAR JESUS, O MESSIAS – Lucas 2:8, 10-12, 15-20

1. Os desprezados pela sociedade são prezados pelo Céu: Aos que viviam nos campos, longe de casa, dormindo no relento (quando dormiam), cuidando de ovelhas, o anjo Gabriel lhes apareceu. Após o temor, estas pessoas simples encheram-se de fervor.
2. Os sinceros e devotos, humildes e simples, são privilegiados pelo Céu: Ninguém mais teve o privilégio de participar de uma cantata natalina celebrada pelos anjos reluzindo a glória divina como os simples pastores de Belém. Os grandes nomes da melhor religião não receberam tal programação.
3. Os fieis e dispostos a obedecer são os primeiros a propagarem as boas novas de grande alegria por onde forem; assim, testemunhando, glorificando e louvando por onde iam os simples pastores continuaram a celebração natalina iniciada pelos santos anjos de Deus.

III. O NASCIMENTO DE JESUS É BOA NOVA DE GRANDE ALEGRIA QUE PROMOVE ADORAÇARÃO E CELEBRAÇÃO – Lucas 2:13-20

1. Sendo boas novas de grande alegria temos que celebrar e glorificar a Deus, o qual deu Jesus para nos dar vida plena de felicidade e paz.
2. Sendo que estávamos desesperados, condenados e aflitos neste mundo em conflito, sofrimento e morte, e Jesus nasceu para ser o Messias prometido, o Salvador do pecador e a esperança dos condenados, temos de celebrar Sua primeira vinda.
3. Sendo que os anjos começaram a celebração do natal de Cristo e os pastores deram continuidade, é certo que nunca devemos deixar morrer essa alegria em nosso coração e em nossa adoração.

CONCLUSÃO:

1. Celebrar o nascimento de Jesus é tão certo quanto santo; pois, anjos inauguraram essa vibrante celebração. Quanto a quando celebrar, minha opinião é todos os dias, ou qualquer dia; como há um dia específico em nosso calendário e ninguém sabe o dia exato, por que não aproveitá-la para testemunhar, comemorar e celebrar com nossos familiares e amigos?
2. Celebrar o nascimento de Jesus é uma forma de relembrar a alegria que Deus oferece ao mundo, a salvação ofertada gratuitamente por Cristo e, a graça manifestada neste mundo desprovido da glória divina.
3. Celebrar o nascimento de Jesus significa dar continuidade à missão cumprida pelos pastores que, embora simples, creram, viram e testemunharam com alegria e ousadia a quem quer que encontrassem pelo caminho.

APELO:

1. Não é pecado celebrar o nascimento de Jesus Cristo.
2. Então, una-se aos anjos e aos pastores para celebrar e proclamar Jesus.
3. Testemunhe, glorifique e adore a Deus celebrando o nascimento de Cristo.

Pr. Heber Toth Armí

2 comentários:

  1. Muito bom e relevante este artigo. Parabéns pastor Héber.

    ResponderExcluir
  2. Gostei deste blog também participo do blog o homemdomeio e do canal o atalaia muito bom a paz para todos! www.youtube.com/oatalaiadehoje

    ResponderExcluir

Dê seu parecer respeitando a ética cristã. Sua opinião será bem-vinda:

Postagens mais acessadas nesta semana