terça-feira, 24 de agosto de 2010

FAZENDO A DIFERENÇA EM TEMPO DE CRISE

INTRODUÇÃO: Texto Bíblico principal: II Reis 5:1-4

1. Todos nós temos nossas lutas: O sofrimento pode acometer qualquer pessoa, pobre ou rica, justa ou injusta, boa ou má, fiel ou infiel a Deus, religiosa ou pagã, crente ou ateu. A diferença está na atitude de cada um diante do sofrimento.

2. Todos nós temos nossos próprios problemas: Todos nós somos atacados pelo inimigo que se aproxima de nós para roubar, matar e destruir.

3. Todos nós podemos aprender com uma jovenzinha que fez a diferença: Pode alguém ter paz na adversidade e ainda influenciar positivamente? Pode alguém, mesmo sofrendo as intempéries da vida ser um instrumento positivo nas mãos de Deus? Pode alguém falar bem de Deus quando tudo dá errado em sua vida? É possível ser feliz e passar confiança quando só existem motivos para tristezas?


I. CRISTÃOS NÃO DEPENDEM DO AMBIENTE PARA FAZER A DIFERENÇA (II Reis 5:1-2):

1. Tragédias do passado não determinam a destruição do jovem cristão: A jovenzinha não lamentou a guerra do passado.

2. Tragédias do presente não limitam a atuação do jovem cristão: A escravidão do presente serviu de oportunidade para aquela jovenzinha falar de Deus.

3. Tragédias do inimigo sensibilizam os jovens cristãos: Sem olhar para quem era Naamã e o que lhe havia feito, ela desejou sua cura e restauração.


II. CRISTÃOS NÃO DEPENDEM DE CONDIÇÕES FAVORÁVEIS PARA FAZER A DIFERENÇA (II Reis 5:2-3):

1. Simplicidade e anonimato não impedem os jovens de fazer a diferença: Aquela menina não era famosa e nem filha de alguém importante, mas fez a diferença.

2. Quantidade e idade não impedem o poder da influência positiva: A jovenzinha arrancada grosseiramente de seu lar e de seus pais estava sozinha num lugar desconhecido, mas sentiu a poder de Deus em seu testemunho.

3. Gênero e falta de qualificação não limitam o poder de um bom testemunho: Uma pequena menina, sem formação acadêmica levou o chefe do exército da Síria ao encontro com Deus (verso 4, 17).


CONCLUSÃO:

Se uma menina sem nome ainda escrava pode ser usada por Deus para a salvação de um dos homens mais poderoso da Síria, você também pode se você se colocar nas mãos de Deus.

1. Não importa a idade, o gênero, ou a situação em que você se encontra; nas mãos de Deus você pode fazer a diferença.

2. Não importa se você é filho único, ou foi criado apenas pela mãe ou pelo pai, ou pelos avós ou tios, nas mãos de Deus você pode fazer a diferença.

3. Não importa se você foi abandonado pelos seus pais, foi parar num orfanato ou até mesmo nas ruas; nas mãos de Deus você pode fazer a diferença.

4. Não importa se você nunca teve coragem, se você se sentiu indigno; nas mãos de Deus você é livre para fazer a diferença.

5. Não importa quem você foi, por onde andou, não importa quem você é, Deus quer fazer a diferença em sua vida. Se entregue a Ele para que Ele te use!

Sermão preparado pelo Pr. Heber Toth Armí

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Dê seu parecer respeitando a ética cristã. Sua opinião será bem-vinda:

Postagens mais acessadas nesta semana