quinta-feira, 31 de maio de 2012

O ATO DE ORAR DEVE TRANSFORMAR A TUA VIDA


INTRODUÇÃO: Texto bíblico: Mateus 6:9-13
1. A Teologia da oração: Ao orar deves crer que ocorrerá uma transformação em você, não em Deus.
2. Atitudes erradas na oração: Ao orar não deves tentar convencer a Deus de fazer a tua vontade.
3. O propósito da oração: Ao orar deves esperar que a vontade de Deus converta em tua vontade, não a tua vontade na vontade de Deus.

I.  QUANDO A ORAÇÃO DO "PAI NOSSO" NÃO TRANSFORMA VIDAS:
1. A oração do “Pai nosso” não transforma a vida daqueles que a recitam sem saber o significado de suas magníficas palavras.
2. A oração do “Pai nosso” não transforma vida se a pessoa que ora não vive minimamente os ensinamentos profundos que essa oração contém.
3. A oração do “Pai nosso” não transforma a vida de quem a faz sem a atitude de filho, sem desprover do orgulho, sem se inclinar como súdito, sem se portar como servo, sem reconhecer sua dependência, sem assumir sua pecaminosidade e sem admitir suas fraquezas.

II. COMO A ORAÇÃO DO "PAI NOSSO" TRANSFORMA VIDAS:
1. Quando você entender que ao dizer “Pai nosso” você toma atitude de filho.
2. Quando você aceitar que ao dizer “santificado seja o teu nome” você deixa de pensar em si para exaltar a Deus.
3. Quando você perceber que ao dizer “venha teu reino” você se coloca na posição de súdito do Soberano Deus.
4. Quando você compreender que ao dizer “seja feita a tua vontade” você se põe na posição de servo.
5. Quando você reconhecer que ao dizer “o pão nosso de cada dia dai-nos hoje” você se vê totalmente dependente de Deus.
6. Quando você assumir que ao dizer “perdoa-nos as nossas dívidas” que você é um pecador.
7. Quando você admitir que ao dizer “não nos deixe cair em tentação” que você é fraco, frágil e incapaz.

III. QUANDO A ORAÇÃO DO "PAI NOSSO" TRANSFORMARÁ TUA VIDA:
1. Quando você viver intensamente a mensagem de cada palavra desta preciosa oração o choro se transformará em alegria, as brigas se transformarão em paz, as loucuras deixarão de existir, pois viverás a sabedoria de Deus.
2. Quando ao orar você estiver disposto a ser transformado por Deus, não transformar a vontade de Deus.
3. Quando aplicar os princípios desta oração a qualquer outra oração, almejando mais a mudança do teu coração do que das circunstâncias em que você se encontra; então verás o poder desta singela oração.

CONCLUSÃO:
1. Com a oração do “Pai nosso”, vista de maneira correta, percebe-se que orar não é tentar convencer a Deus de fazer o que queremos, mas de permitir que Deus nos transforme.
2. Com a oração proferida por Jesus temos o modelo para todas as outras orações, que ao invés de pedir que Deus faça a vontade de quem ora é por meio da oração que se busca forças para fazer a vontade de Deus.
3. Com a oração do “Pai nosso” humildemente se aprende que, quanto mais afoitos e ávidos por transformação da vida mais efeito terão as orações. E, feliz é quem, sinceramente, diz "amém" a tudo quanto a oração do "Pai nosso" contém!

APELO:
1. Além de recitar a oração do “Pai nosso”, estude-a!
2. Além da superficialidade, aprofunde-se no conhecimento deste meio para aproximar-te mais de Deus.
3. Além de conhecer as palavras desta oração, conheça o significado teológico delas.
Pr. Heber Toth Armí

Um comentário:

  1. Unquestionably believe that that you said. Your favorite justification seemed to be on the net the simplest thing
    to be mindful of. I say to you, I definitely get annoyed at the same time
    as folks consider issues that they plainly don't realize about. You controlled to hit the nail upon the top and defined out the entire thing with no need side effect , people could take a signal. Will probably be back to get more. Thank you
    my web site :: Going Here

    ResponderExcluir

Dê seu parecer respeitando a ética cristã. Sua opinião será bem-vinda:

Postagens mais acessadas nesta semana