sexta-feira, 16 de setembro de 2011

TIPOS DE PASTORES E A PREFERÊNCIA DA CONGREGAÇÃO




Tem mensagens que valem republicar, nos fazem refletir. Há muito tempo guardo um artigo criativo que reflete o desejo dos membros da igreja de terem um bom pastor, mas revela que o “bom” do ponto de vista humano é diferente do ponto de vista bíblico. Dê um pouco de sua atenção para ler a mensagem abaixo:

Informativo da Comissão de Sucessão Pastoral

Em nossa procura por um Pastor adequado, a seguinte compilação foi feita para seu exame. Dos candidatos investigados pela comissão, apenas um foi encontrado com as qualidades necessárias. A lista contém os nomes dos candidatos e comentários sobre cada um deles, e caso você esteja interessado em investigá-los mais para futuras posições estamos abertos a ouvi-los:

1.   NOÉ: Esse pregador tem 120 anos de experiência em pregação, mas nenhum convertido. Além disso, de vez em quando se embriagava!
2.   MOISÉS: Esse pastor gagueja muito e sua última congregação disse que perde a paciência por pequenas coisas. Matou dois egípcios quando perdeu o controle.
3.   ABRAÃO: Saiu para o Egito durante tempos difíceis. Soubemos que se meteu em problemas com as autoridades enquanto tentava se safar de forma mentirosa com sua esposa. Teve um filho com a escrava, a qual lhe trouxe grandes problemas familiares.
4.   DAVI: Tem um caráter moral inaceitável. Poderia até ter sido considerado para a posição de Ministro de Música, se não tivesse sucumbido ao pecado. Ele mandou “assassinar” seu melhor soldado para ficar com sua esposa.
5.   SALOMÃO: Tem uma reputação de sábio, mas falha em colocar em prática o que prega. Teve 700 mulheres e 300 concubinas.
6.   ELIAS: Provou ser inconsistente, e é conhecido por afrouxar quando submetido a pressões. Enfrentou depressão e desânimo.
7.   OSÉIAS: Sua vida familiar está em pedaços. Divorciou-se e voltou a casar-se com uma prostituta.
8.   JEREMIAS: Muito emocional e alarmista; alguns dizem que é uma dor de cabeça. Vai dar um “problemão”...
9.   AMÓS: Vem de um passado no interior, sem estudos. Melhor seria se continuasse por lá.
10. JOÃO: Autodenomina-se Batista, mas não tem tato e se veste como um hippie. Não se sentiria bem num jantar da Igreja.
11. PEDRO: Tem um temperamento forte, e dizem até mesmo que o ouviram negar a Cristo publicamente.
12. PAULO: Pensamos que ele também não tem tato. É demasiadamente duro, sua aparência é feia, e suas pregações são muito longas, seus sermões são do tipo espada: chato e cumprido.
13. TIMÓTEO: Tem potencial, mas é muito jovem para o ministério pastoral.
14. JUDAS: Ah! Este pareceu ser bem prático, cooperador, bom com finanças, pensa nos pobres, e se veste bem. Todos nós concordamos haver encontrado o homem que estávamos procurando para o Pastorado.

E o informativo finaliza dizendo: Obrigado por todos vocês que estão nos ajudando em nossa procura pastoral.

Assinado: Relator da Comissão de Sucessão Pastoral.

Qual destes pastores você elegeria? Qual você deseja que seja o pastor de sua igreja? Cuidado para não seguir doutrinas de pastores que não vivem em conformidade com o mais puro e verdadeiro evangelho bíblico! Cuidado para não apreciar pastores baseado nos teus próprios gostos pessoais. Aprecie pastores que pregam a verdade, por mais duras que elas sejam...
Adaptado pelo Pastor Heber Toth Armí

Um comentário:

  1. MOISES MATOU UM EGÍPICIO E FUGIU PARA O DESERTO, QUEM É O OUTRO.

    ResponderExcluir

Dê seu parecer respeitando a ética cristã. Sua opinião será bem-vinda:

Postagens mais acessadas nesta semana